Entenda as diferenças entre Google e Yahoo! (Parte I)

A Google sem dúvida é a maior empresa do seu segmento, basta uma rápida análise em seus números e das suas concorrentes para concluir. As concorrentes da Google são uma legião, mas a mais importante de todas, ao menos no período 2004-6, é a Yahoo!. A Microsoft certamente será uma força a ser considerada lá por 2007/8, mas, hoje, a Yahoo! é a principal adversária da Google e é impressionante as duas empresas serem de fato tão semelhantes, apesar de distintas.

Dois jovens candidatos a PhD por Stanford como fundadores, um mais gregário e o outro mais reservado. Origem humilde num dormitório da escola. Um fascínio pela busca e pela vastidão da World Wide Web – um nome bobo que pegou e tornou-se sinônimo da própria Internet.

Crescimento e sucesso extraordinários, marcados por investidores de alto nível, uma oferta inicial de ações muito bem-sucedida e um valor de mercado multibilionário. Certamente, a Yahoo! compartilha de muitas características com a Google.

Mas a Yahoo! não é a Google e as diferenças entre ambas são claras. Considere os fundadores. Embora todos permaneçam nas respectivas empresas em papéis importantes, Jerry Yang e David Filo, os fundadores da Yahoo!, são discretos, preferem não receber créditos e são rápidos em delegar autoridade e responsabilidade. Eles deixam Terry Semel (CEO da Yahoo!) dirigir a empresa. Mas os rapazes da Google dirigem sua empresa com um mouse de ferro.

Os livros escritos sobre o tema (busca, Google e Yahoo!) evidenciam as diferenças. No livro The Google Story os autores citam que ao caminhar pelos corredores da Google, fica claro que Brin e Page são os patrões. Por outro lado, na Yahoo!, Filo e Yang são os fundadores e nisso esta a diferença. É difícil ser um micro gerente quando seu papel é visão à longo prazo e o CEO é uma grande força corporativa. Yang e Filo preferem deixar que Semel e seus assistentes falem de assuntos de estratégia corporativa no dia-a-dia.

Quem visita as sedes da Google e da Yahoo!, mais uma vez, tem a impressão inicial de semelhança. Ambas as empresas construíram (ou alugaram) sedes que criam um ambiente comunitário. Ambas incorporaram modernos edifícios de escritórios de três a seis andares cercados por espaços gramados com quadras de esporte. Ambas têm cafeterias espaçosas, às vezes repletas, que oferecem cardápios surpreendentemente saudáveis, com opções para centenas de jovens trabalhadores vestindo jeans e camisetas.

Mas na Yahoo!, você deve pagar por seu almoço. Na Google, ele é de graça. Por que na Yahoo! o almoço não é de graça? A Yahoo! foi posta de pernas para o ar pelos mercados e quase desapareceu como empresa. Precisou dispensar centenas de trabalhadores, consolidar sua base de custos e ver o preço de suas ações despencar de mais de US$ 500 para menos de US$ 10. Seus funcionários – aqueles que restaram – caminhavam pela sede da empresa em estado de choque, e a confiança exaurida. Em resumo, a Yahoo! viu o rosto do fracasso e foi punida pela experiência. Mas a Google nunca conheceu nada a não ser o sucesso. Até agora, a única coisa que a Google deixou de fazer foi falhar.

Outra distinção, de acordo com empreendedores e anunciantes que têm trabalhado com ambas as empresas, é que, em média, é muito mais fácil fazer negócios com a Yahoo! do que com a Google. A Yahoo! é quatro anos mais velha que a sua concorrente e esse fato sozinho pode explicar a razão – a Yahoo! simplesmente teve mais tempo para aprender a ser uma boa parceira.

Na Google, escreveu certa vez o responsável pelo desenvolvimento de um serviço ao consumidor baseado na Web, “é cansativo tentar com que qualquer coisa seja feita. É o caos. Ninguém sabe onde fica a sala de reuniões. E pessoas vitais chegam com 45 minutos de atraso. E elas ficam entrando e saindo da sala, com pessoas novas chegando a cada 20 minutos. Você precisa recomeçar tudo, pois os recém-chegados nada sabem a respeito dos objetivos da reunião.” Além disso, continuou no seu editorial escrito para a Wired, “ninguém fazia acompanhamento e , quando eu telefonava para saber como estavam as coisas em relação ao nosso acordo, era enviado para outro grupo para recomeçar o mesmo processo”.

Mas, quando o mesmo empresário visitou a Yahoo!, teve uma experiência totalmente diferente. “Todos chegaram no horário e tinham lido a respeito de minha empresa e sabiam o que queriam da reunião. Ela durou exatamente uma hora e o acompanhamento foi claro e focalizado.”

Essa é uma função da experiência, mas também da cultura. O sucesso e o crescimento excessivo geram, em qualquer empresa, um certo nível de arrogância e pensamento insular. Não faltam histórias a respeito da confusão da cultura de negócios da Yahoo! por volta de 1989-99, mas aquelas histórias empalidecem quando comparadas com o nível atingido pela Google na época de sua oferta inicial de ações na bolsa.

A Google não é estúpida; ela estava ciente desses problemas, mesmo quando continuava a criá-los. Em 2003, ela contratou Megan Smith  co-fundadora da Planet Out , e uma das pessoas mais estimadas do Vale do Silício, para ajudá-la a operar seu departamento de desenvolvimento de negócios, enquanto Shona Brown  continuava a cuidar de processos de negócios.

Quando questionada pelo jornalista John Battlelle, Brown, disse que na opinião dela, a Google havia melhorado desde que ela entrara em 2003. Sem hesitar, ela respondeu: “Parcerias. Estamos muito mais abertos e menos insulares”, disse ela. “Com isto, quero dizer que estamos trabalhando muito melhor com nossos parceiros. Entendemos que fizemos parte do ecossistema e temos de trabalhar com os outros. Essa foi uma mudança bastante positiva.”

(continua no próximo post: amanhã)

Uma resposta a Entenda as diferenças entre Google e Yahoo! (Parte I)

  1. amao diz:

    nao entendi nada eu so queria as diferenças!!!!!!!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: